Ousar cuidar da cidade

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp

Dom Roberto Francisco Ferreria Paz
Bispo de Campos (RJ)

Quero partilhar um projeto inspirador para as eleições 2020. Trata-se de um percurso formativo, denominado “DareToCare”, ousar cuidar, que foi elaborado pelos jovens do movimento dos focolares. Aplica o conceito e dimensão do cuidado que tem um sentido pessoal, a esfera pública dando uma perspectiva política ao cuidado. É, certamente, um olhar fraterno e coletivo que, como o bem comum, deve fazer convergir os interesses particulares e partidários numa proposta que envolva e mobilize a cidadania de todos (as).

Vem ao encontro dos postulados do Papa Francisco, na sua última Encíclica, Fratelli Tutti, sobre a Fraternidade e a Amizade Social, oportunizando um diálogo cordial e criativo que supere barreiras e muros ideológicos. A cidade é nosso lar comum, foro, areópago e lugar de convivialidade e comunhão, para além dos candidatos, programas e visões muitas vezes excludentes e míopes, temos que tentar abrir canais de comunicação, entendimento para um pensar e agir comum, respeitando, claro está, a autonomia e liberdade das pessoas. Nós, cristãos, conforme a nossa forma de viver e testemunhar a fé no âmbito público, acreditamos numa política de comunhão, de profundo respeito por cada pessoa, por cada família, grupos e tendências que dignificam a liberdade e o valor singular e original da subjetividade, nessa partilha e generosidade sincera de fazer o bem, construiremos uma cidade onde caibam todos, e ninguém seja deixado de lado.

Votar é sempre incluir, ousar cuidar da família citadina, não buscar vencer para ter vantagens, mas possibilitar o desenvolvimento orgânico, conjunto, harmonioso, de uma cidade integrada, solidária, bela e sustentável. A pandemia do COVID não será vencida apenas com vacinas e normas sanitárias, mas com uma cooperação aberta, solidária inclusiva, que faça emergir uma cidadania mais responsável e atuante. Ousar cuidar é participar constantemente da edificação e gestão da cidade, fiscalizando, ajudando, propondo e tecendo a fraternidade e amizade social, que amalgama, dá força, colorido e beleza ao nosso município. Lembrando, sempre, que a paz é um pacto e um construto coletivo de justiça, amor, verdade e liberdade, como afirma a Pacem in Terris. Deus seja louvado!

 

Tags:

leia também