A Pastoral da Saúde celebra esta data com missas em todo país e trabalha contra posturas anticientíficas e obscurantistas quanto à Covid-19
Dioceses, grupos e instituições eclesiais têm se mobilizado para ações de solidariedade, enquanto hemocentros registram queda de estoques
Dados mostram que os enfermeiros foram os principais profissionais a morrer: 42 de 169 mortes (25%). Em seguida, os médicos com 18 de 169 (11%)
O Brasil totalizou mais de 50 mil óbitos por Covid-19, segundo o Ministério da Saúde. Casos confirmados da doença saltaram para 1.106.470
No Brasil, os enfermeiros são mais de 2,3 milhões que trabalham em situações de risco, muitos dos quais cuidando atualmente de pacientes com Covid-19
Dom Roberto ressalta que é de extrema importância a Igreja divulgar informações sobre o vírus com objetividade científica para evitar pânico
Em missa, presidente da CNBB, dom Walmor Oliveira, falou sobre o sofrimento e as dificuldades que os doentes e seus familiares enfrentam
Bispo de Campos, dom Roberto Ferreria Paz: “É preciso elevar a autoestima e consciência masculina a respeito da sua saúde corporal e integral”
Em 1987, a Organização Mundial da Saúde criou o "Dia Mundial Sem Tabaco", celebrado em 31 de maio, para alertar sobre os danos aos pulmões

Você também pode gostar